Congresso discute adiar as eleições para o final do ano

As eleições municipais de outubro correm risco de adiamento por causa da pandemia do novo coronavírus, mas a ideia é que as disputas sejam realizadas ainda neste ano para evitar a prorrogação dos mandatos de prefeitos e vereadores. Até recentemente, o Congresso resistia a tratar do tema, mas, com o avanço da doença, o cumprimento do calendário eleitoral - que exige convenções partidárias para a apresentação das candidaturas - ficou apertado.


O Congresso vai agora criar um grupo de trabalho, composto por deputados e senadores, para discutir o assunto. O primeiro turno das eleições está marcado para 4 de outubro e o segundo, para 25 daquele mês, em cidades com mais de 200 mil habitantes. Uma das propostas prevê adiar a primeira etapa para 15 de novembro e deixar a segunda rodada para o início de dezembro. Para tanto é necessária a aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), que tem de passar pelo crivo da Câmara e do Senado.


O assunto tem sido analisado em reuniões entre os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP); do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, e o ministro da Corte Luiz Roberto Barroso, que assumirá o comando do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no dia 25.

"Na discussão com os líderes (dos partidos) é posição quase de unanimidade que devemos ter adiamento, mas sem prorrogação de nenhum mandato", afirmou Maia. Alcolumbre foi na mesma linha. "Temos acompanhado, nos últimos dias, essa aflição dos brasileiros em relação ao problema de saúde pública e, naturalmente, a preocupação com a democracia", observou ele.

Em videoconferência com líderes sindicais, ontem, Dias Toffoli disse que "falta coordenação" no País durante a crise do coronavírus (mais informações nesta página). O magistrado reclamou da ausência de medidas que "deem tranquilidade" à população. "Nós estamos há dois meses sem perspectiva, essa é a verdade", afirmou Toffoli. Embora não estivesse tratando de eleições, o presidente do STF abordou ali a confusão instalada no País após a pandemia.

A preocupação das cúpulas do Congresso e do Judiciário, no entanto, é barrar qualquer iniciativa que permita a prorrogação de mandatos. "Essa decisão sobre as eleições deixa um pouco de ser puramente política, jurídica, e passa a ser uma decisão de saúde pública, sanitária (...) . "O meu desejo é não adiar. Mas é inegável que neste momento, olhando para a frente, há uma possibilidade real de isso ser necessário", disse Barroso ao Estadão, em entrevista no início do mês. O futuro presidente do TSE conversou com Maia sobre o assunto anteontem.


O líder do Podemos na Câmara, Léo Moraes (RO), afirmou que o Congresso não aceitará a unificação de eleições de prefeitos, governadores e presidente da República, em 2022. O deputado argumentou, no entanto, que prorrogar as disputas municipais por um curto período será inevitável. Moraes é autor de uma proposta de emenda à Constituição que propõe o adiamento das eleições de 4 de outubro para 20 de dezembro. "Não tem como a gente colocar em risco a população agora. Temos que priorizar a saúde e ter coerência".

Pré-candidata à Prefeitura de São Paulo, a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), vê o adiamento como um "fato consumado". "Temos de discutir isso rápido, mas ainda não há um consenso sobre a data", comentou. Para Joice é preciso também definir critérios sobre o que os candidatos poderão fazer. "Vamos poder trabalhar online? Vai ter convenção ou não?" Pelo calendário atual, os partidos precisam realizar convenções de 20 de julho a 5 de agosto.

Integrante do Centrão e líder do bloco que reúne nove partidos e 220 deputados, Arthur Lira (Progressistas-AL) disse ao Estadão que defende o adiamento das eleições para dezembro. A proposta, segundo ele, deve ser votada "imediatamente".

Na avaliação do líder do PT, deputado Enio Verri (PR), as disputas não podem ultrapassar o mês de dezembro. "Seria inconstitucional. Se não der para votar e 4 de outubro, que seja feita a eleição no fim de outubro ou no início de novembro", insistiu ele.


A expectativa no é de que o grupo de trabalho para discutir as novas regras seja formado nesta semana. "O PSDB é radicalmente contrário à prorrogação de mandatos, mas entende que o adiamento será necessário em razão da pandemia. Não seria possível começar o processo eleitoral no dia 15 de agosto", disse o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), líder da bancada tucana. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Outras Notícias

*Justiça Eleitoral suspende pesquisa fraudulenta de Jânio Natal em Porto Seguro*

*Justiça Eleitoral suspende pesquisa fraudulenta de Jânio Natal em Porto Seguro*A Justiça Eleitoral suspendeu a divul...

Veracel Celulose divulga edital para contratação de:

 Especialista em Planejamento Florestal – Gerência de Planejamento Florestal REQUISITOS: •  ...

Prefeitura de Porto Seguro é transparente na gestão dos gastos da Covid-19, segundo análise do TCM

A Prefeitura de Porto Seguro atendeu aos requisitos de transparência no que se refere à divulgação das aplicações dos...

Fake news “HDLEM de portas fechadas” assusta população de Porto Seguro

Na tarde desta quinta-feira (22), uma mensagem foi veiculada nas redes sociais alertando a população de Porto Seguro ...

STF decide que não é obrigatório estar com título de eleitor em mãos para votar

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, por unanimidade, que o eleitor não pode ser impedido de votar...

Veracel Celulose entrega 814 rádios para embarcações de pescadores

A ação faz parte do compromisso dacompanhia com a população do entorno de suas operações. Ao todo, 20 associaçõese co...

Porto Seguro ganha placas de educação ambiental*

*Para conscientizar moradores e turistas sobre a importância da conservação ambiental e alertar os cidadão sobre a le...

Porto Seguro destaca-se em I Mostra Virtual Brasil, aqui tem SUS

O Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), anualmente seleciona os mais exitosos projetos des...

Sensibilidade e conscientização em favor da saúde feminina

Com número limitado de participantes em virtude da pandemia, as ações de mobilização e enfrentamento no combate ao câ...

*Porto Seguro é contemplado pela ampliação do PAA*

Porto Seguro é um dos quatro municípios da Bahia contemplados pela ampliação do PAA (Programa de Aquisição de Aliment...

*Uldurico Jr destaca valorização da classe no Dia do Professor*

O candidato a prefeito Uldurico Junior (PROS), da coligação "Unidos por Porto Seguro", parabenizou pelas redes sociai...

Veracel Celulose realiza webinar especial na Semana da Criança

O evento 100% online e gratuito será realizado nesta quinta-feira, dia 15, às 18h, no canal do Youtube da e...

Franquia de limpeza e cuidados chega a Porto Seguro

Acaba de chegar a Porto Seguro uma das maiores franquias de limpeza residencial e empresarial da América Latina, a Ma...

Secretaria de Meio Ambiente resgata animais debilitados

Nesta quinta feira, 08/10, uma equipe da Secretaria de Meio Ambiente de Porto Seguro em atendimento ao disk denúncia,...

Candidato a prefeito Uldurico Junior e o vice Maurício Pedrosa, fazem caminhada no bairro Nilo Fraga e conta com a adesão da população.

Nesta sexta-feira (09/10), o candidato a prefeito Uldurico Junior, o vice Maurício Pedrosa, acompanhados do ex-prefei...

Carreata do candidato a prefeito Uldurico Júnior reúne mais de 2.500 veículos e marca a história do município.

Porto Seguro parou para apoiar a maior carreata politica do candidato a prefeito Uldurico Junior e o vice Mauricio Pe...

Escolas, cinema e casas noturnas continuam proibidas até novembro

*Centros de atividades esportivas já podem funcionar*A prefeitura de Porto Seguro publicou um novo decreto nessa sext...

*Secretário Estadual de Segurança Pública e comandante Geral da PM participam de inauguração dos novos pavilhões do 8°BPM.*

O comando do 8° Batalhão de Policia Militar, em Porto Seguro, recebeu na manhã dessa sexta-feira (09/10) pessoas da c...

Feriadão: mais de 50 jatinhos pousam em Trancoso nesta sexta

Muitos turistas decidiram passar o feriado prolongado da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, em Porto Segur...

*Governo libera recurso da Lei Aldir Blanc para Porto Seguro*

A Prefeitura de Porto Seguro recebeu do governo federal os recursos da Lei Aldir Blanc no valor de R$ 1.119.000, para...