TJ-BA rejeita pedido de Jânio para suspender ação sobre fraude em licitação em Porto Seguro

A desembargadora Maria de Lourdes Medauar, da 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), manteve o trâmite de uma ação civil pública por improbidade administrativa contra Jânio Natal, ex-prefeito de Porto Seguro, no extremo sul do estado. O valor da ação é de R$ 22 milhões. O deputado estadual reeleito interpôs um agravo de instrumento contra a decisão da 1ª Vara da Fazenda Pública de Porto Seguro, que rejeitou o pedido de suspensão da ação e de retirada do processo por “ilegitimidade passiva”.

 

De acordo com a decisão, Jânio afirmou que não deveria figurar como réu na ação por não haver provas de seu envolvimento com os atos de improbidade durante uma licitação aberta em 2007, quando era gestor da cidade. A empresa teria sido contratada para realizar eventos na cidade de forma fraudulenta, com direcionamento do certame para favorecer a produtora de eventos vencedora. O deputado sustentou que não pode ser acusado das irregularidades apontadas na ação “pelo simples fato de ocupar o cargo de gestor municipal à época do suposto fato”.

 

Segundo a decisão de 1º grau questionada, Jânio Natal, à época do evento, era o prefeito e possuía “plenos poderes” sobre a ação de seus subordinados, “entre eles os secretários e demais servidores, incluindo os responsáveis pelo setor de licitação e compras”. “Com efeito, o autor detinha sim o domínio do fato, consubstanciado na possibilidade de direcionar e fiscalizar as ações dos seus subordinados, especialmente ditando o início do procedimento licitatório e a palavra final acerca da higidez do certame no momento da homologação”, diz trecho da sentença. Em outro, é dito que “realmente, os fatos descritos na peça vestibular constituem, em tese, ato de improbidade administrativa”.

 

O parlamentar afirmou que é “imperiosa a suspensão do processo”, como previsto no Código de Processo Civil, diante da repercussão geral reconhecida pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou a suspensão de processos que tratam sobre prescrição de ações de ressarcimento de danos ao erário. A defesa de Jânio afirma que a intenção do MP não é “a execução de um título oriundo da constituição de uma obrigação de ressarcimento pela prática de ato de improbidade, mas sim a pretensão, flagrantemente esvaziada pelo instituto da prescrição, de se constituir o juízo sobre a suposta prática de improbidade, mais de sete anos após o fato". A defesa reforça que houve a prescrição quinquenal. O pedido queria a suspensão da ação até o julgamento final da repercussão geral no STF.

 

A desembargadora destacou que o STF já julgou a repercussão e fixou que ações de ressarcimento ao erário por ato doloso, por improbidade administrativa, “são imprescritíveis”.  “Diante do referido julgamento, não subsiste mais a determinação de sobrestamento dos processos que versem sobre mesma matéria, além de não se poder acolher a prejudicial suscitada pelo agravante, com o teor da tese ora firmada”, declarou Maria de Lourdes Medauar. A desembargadora também entendeu que, como prefeito, ele “detinha o poder de gestão e comando, devendo responder pelos atos praticados”.

Fonte:Bahianoticias

Outras Notícias

Roni Guerra inova, e dá exemplo para o país ao renunciar o bilionário fundo eleitoral

O pré-candidato a prefeito de Porto Seguro, Roni Guerra (PTB), protocolou no cartório de notas local, nesta quinta-fe...

Prefeitos de Belmonte, Itamaraju, Medeiros Neto e Vereda terão de enviar dados ao TCM

Os prefeitos de Belmonte (Janival Andrade), Itamaraju (Marcelo Angênica), Medeiros Neto (Jadina Paiva Silva) e Vereda...

Itabela: Prefeitura tem contas rejeitadas pelo TCM

As contas da prefeitura de Itabela relativas ao exercício de 2018 e de responsabilidade do prefeito Luciano Francisqu...

Secretaria de Saúde contará com novo aparelho de ultrassonografia

Sempre atuante e em busca de ações que fortaleçam as políticas de saúde para o SUS em Porto Seguro, a gestora do muni...

Bolsonaro rejeita proposta de minireforma eleitoral, Congresso perde prazo, e Davi Alculumbre enterra definitivamente a estratégia de Ubaldino Junior

Na noite desta última quarta-feira, pouco antes do início da partida das semifinais da Copa Libertadores, o president...

Porto Seguro comemora inaugurações e importantes anúncios com a visita do governador Rui Costa

 Foi um dia histórico para Porto Seguro nesta segunda-feira, 30/9, com a visita do governador da Bahia, Rui Costa, do...

Quinze anos após ser afastado por corrupção, Ubaldino comunica seu retorno à política em Porto Seguro

O ex-prefeito Ubaldino Júnior usou o microfone da rádio de sua propriedade nesta segunda-feira, 23/09, para anunciar ...

Jânio Natal perde foro especial por fraudes em contratações de festas

O deputado estadual Jânio Natal vai responder na Justiça de 1° grau a um processo em que é réu quando foi prefeito de...

Dirigentes municipais de Educação se reúnem em Porto Seguro

O evento contou com a presença da prefeita Cláudia Oliveira; da secretária municipal de Educação, Janis Souza; do pre...

Empossado novo secretário de Meio Ambiente de Porto Seguro

Na manhã dessa terça-feira (03/09), a prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira deu posse ao novo secretário de Meio...

Patrícia Martins é nomeada Superintendente de Turismo da Secretaria de Cultura e Turismo de Porto Seguro

A equipe da Secretaria de Cultura e Turismo de Porto Seguro ganhou mais uma integrante. Patrícia Martins foi nomeada ...

Porto Seguro recebe prefeito e comitiva portuguesa de Belmonte

 O município de Porto Seguro recebe nesta semana a visita oficial do prefeito da cidade portuguesa de Belmonte, ...

Academia de Saúde revitalizada é entregue aos moradores de Vera Cruz

A população do distrito de Vera Cruz foi contemplada com a revitalização do espaço destinado ao lazer e à busca pela ...

Projeto de Carletto que garante atendimento preferencial às vítimas de violência sexual é aprovado na CCJC

O Projeto de Lei nº 5.952/2016, do deputado federal Ronaldo Carletto (PP), que garante às vítimas de violência sexual...

Ex-prefeito de Porto Seguro Jânio Natal deve devolver R$ 2,5 milhões por irregularidades

O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta terça-feira (13/08), votou pela procedência parcial de termo de ocorrência...

Casa do Trabalhador é beneficiada pelo Ministério Público do Trabalho

 A prefeita Cláudia Oliveira, juntamente com a secretária municipal de Assistência Social, Lívia Bittencourt e o supe...

JÂNIO MENTE SOBRE CORREIOS EM PORTO SEGURO

O Sem absolutamente nada para mostrar ao eleito da região e de Porto Seguro, o deputado Jânio Natal expediu nota públ...

ONG Caraíva Viva é selecionada pelo Criança Esperança

A ONG Caraíva Viva teve seu trabalho recentemente publicado no Programa Encontro, da apresentadora e jornalista - Fát...

Conselho Tutelar de Porto Seguro recebe veículo e equipamentos

Mais investimentos chegam para aperfeiçoar ainda mais o tendimento e melhor as condições de trabalho do Conselho Tute...

Novo secretário de Assuntos Indígenas busca melhorias para comunidades

Empossado dia 06/08, pela prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira, o novo secretário municipal de Assuntos Indígen...